Favorito no Uruguai diz que vai governar como Lula

O candidato favorito às eleições presidenciais deste domingo no Uruguai, Tabaré Vázquez, disse que, se vencer, fará um governo ?parecido ao do presidente Lula? no Brasil. ?Quando falamos isso, queremos dizer que será um governo sério, responsável e com profunda lealdade institucional?, disse Vázquez. ?O principal vai ser atender a emergência social que o país vive hoje.? Seu assessor econômico, o senador Daniel Astori, provável ministro da Economia caso Vázquez vença as eleições, explicou que, assim como o Brasil, um eventual governo de centro-esquerda pretende, por exemplo, respeitar o acordo com o FMI (Fundo Monetário Internacional). Ele também afirmou que não pretende realizar nova consulta popular para saber se a população uruguaia quer ou não acabar com a anistia aos crimes cometidos durante a ditadura militar no país (1972-1984) e que pretende retomar as relações diplomáticas com Cuba.

Agencia Estado,

30 Outubro 2004 | 13h57

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.