FBI alerta sobre uso de ricina em ataques terroristas

O FBI fez um alerta ontem sobre a possibilidade de que a substância tóxica ricina seja utilizada para ataques terroristas em território americano. No boletim de inteligência periodicamente divulgado pelo FBI para 17 mil repartições da polícia nos Estados Unidos, os investigadores explicaram os efeitos da ricina, incluindo seu potencial efeito letal. "O uso da ricina provocaria efeitos máximos em caso de assassinatos por meio de injeções ou por contaminação através dos alimentos", disse o FBI. "A ricina poderia ser usada em uma operação terrorista para contaminar sistemas de ventilação fechados (como as de ar condicionado ou calefação), assim como a água potável, lagos, rios e produtos alimentícios", detalhou o boletim. Em Londres, sete norte-africanos foram detidos esta semana quando a Scotland Yard detectou em um apartamento da capital inglesa rastros do tóxico.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.