Oklahoma Department of Corrections/Reuters
Oklahoma Department of Corrections/Reuters

FBI prende extremista branco em Oklahoma

Plano foi frustrado porque um informante passou informações às autoridades quando suspeito ainda estava longe de conseguir os explosivos 

O Estado de S.Paulo

14 Agosto 2017 | 19h42

O FBI revelou nesta segunda-feira, 14, ter prendido um homem de 23 anos que pretendia explodir o prédio de um banco na cidade americana de Oklahoma. O extremista, Jerry Drake Varnell, foi capturado no sábado. O plano foi frustrado porque um informante passou informações às autoridades quando Varnell ainda estava longe de conseguir os explosivos. 

A polícia, então, monitorou o caso e fez com que material inerte fosse vendido ao terrorista no lugar dos componentes necessários para um carro-bomba. Varnell chegou a encher uma van com o material e tentou acionar a “bomba” utilizando um telefone celular. 

O extremista branco foi descrito pelas autoridades como um admirador de Timothy McVeigh, o terrorista que explodiu um prédio público de Oklahoma em 1995, matando 168 pessoas.

Documentos oficiais da investigação mostram que Varnell tinha uma “ideologia contra o governo”, algo manifestado por McVeigh antes de seu ataque – na época, o terrorista afirmou que seu atentado seria uma reação do “cidadão comum” ao massacre de Waco, no Texas. / NYT

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.