Ferrovia que liga cidades sauditas vai operar em 2014

Uma ferrovia de 450 quilômetros que ligará as cidadãs sagradas sauditas de Meca e Medina a Jeddah vai começar a operar em dois anos, de acordo com a agência oficial de notícias saudita, a SPA, citando o ministro dos Transportes do reino.

RENAN CARREIRA, Agência Estado

08 de abril de 2012 | 14h29

A construção do projeto está em andamento e a estação principal vai custar mais de 3,2 bilhões riyals (unidade monetária na Arábia Saudita), ou US$ 853,6 milhões, disse Jobarah Al-Suraisry, que também é presidente da Companhia Ferroviária Saudita, a SRO, segundo a SPA.

O projeto Haramain tem por objetivo aliviar o congestionamento na estrada que liga as duas cidades sagradas durante as peregrinações do hajj muçulmano e da umrah, além de reduzir a duração da viagem.

Em janeiro, a Arábia Saudita, o maior exportador de petróleo do mundo, assinou um contrato de 30,8 bilhões de riyals com um consórcio espanhol para a segunda fase do projeto de alta velocidade. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Arábia Sauditaferrovia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.