FHC chefiará comissão da Comunidade Ibero-americana

Países da América Latina, Espanha e Portugal estudam formas de obter maior influência internacional através de uma nova organização, a Comunidade Ibero-americana. Vinte e um ministros de Relações Exteriores dessas nações reuniram-se em Estoril e discutiram a formação de uma equipe, a ser chefiada pelo ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, para dar ao grupo uma maior influência internacional. Nos últimos 11 anos, os líderes desses países realizaram reuniões anuais para discutir temas de interesse comum, mas a agenda dos encontros limitou-se a assuntos regionais. "Podemos, com o novo organismo, sustentar uma posição comum em assuntos internacionais da atualidade", disse Fernando Lima, porta-voz do Ministério de Relações Exteriores de Portugal. O próximo encontro ibero-americano está programado para os dias 13 e 15 de novembro em Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia.

Agencia Estado,

30 Setembro 2003 | 17h31

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.