FHC diz que Bush confia em Cavallo

O presidente Fernando Henrique Cardoso disse há pouco a jornalistas brasileiros nos jardins da Casa Branca que a questão da Argentina foi tratada na conversa que teve na tarde de hoje com o presidente norte-americano George W. Bush. "Mostrei ao Bush minha confiança no ministro (da Economia da Argentina, Domingo) Cavallo e ele (Bush) também", disse Fernando Henrique.O presidente brasileiro disse ter afirmado a Bush que a recuperação econômica da Argentina é fundamental para o hemisfério e não apenas para o Brasil. De acordo com ele, Bush respondeu que a posição dos EUA é de cautela em relação à Argentina e que ele (Bush) não vê necessidade de ajuda direta para a Argentina neste momento. FHC disse que o encontro com Bush foi direto e cordial, superando as expectativas. Foram abordados temas como economia, comércio e segurança do hemisfério. FHC voltou a afirma que os dois países poderão trabalhar juntos e que as diferenças são normais.Fernando Henrique disse também que as datas para a formação da Alca não foram discutidas. Segundo ele, essa questão nem foi colocada na conversa entre os dois presidentes. FHC reiterou que se for possível encontrar uma solução para a Alca antes de 2005, ela será aceita. Caso contrário, não há mudança de data.A julgar pelas pessoas presentes ao encontro entre FHC e Bush, a questão da segurança da América Latina parece ser tema fundamental para o presidente norte-americano. Estavam no encontro John Maisto, encarregado da Casa Branca para segurança da América Latina; Oval Robert Zoellick, representante comercial dos EUA; Colin Powell, secretário de Estado, e Condoleezza Rice, conselheira de Segurança Nacional.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.