Fidel alerta para ''onda de golpes'' na região

O ex-presidente cubano Fidel Castro disse, em artigo publicado na sexta-feira na internet, que a América Latina corre o risco de ser assolada por golpes de Estado militares se o presidente de Honduras, Manuel Zelaya, não for restituído. Para Fidel, se Zelaya não voltar ao poder, militares direitistas treinados pelos EUA poderiam voltar suas armas contra os governos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.