Fidel Castro reassumiu governo informalmente, diz Chávez

O líder cubano, Fidel Castro, está quase totalmente recuperado e retomando informalmente boa parte de suas funções de governo, disse na sexta-feira o presidente venezuelano, Hugo Chávez."Houve momentos nos quais (Fidel) delegou totalmente as funções de governo, mas, a esta altura, retomou grande parte dos trabalhos, mas não formalmente", disse Chávez em entrevista coletiva com correspondentes estrangeiros, ao ser perguntado sobre a saúde do dirigente cubano.Fidel Castro delegou provisoriamente o poder ao irmão Raúl em 31 de julho passado, devido a uma grave doença mantida em segredo de Estado."Suas próprias notas, sua voz pelo telefone e outros detalhes indicam que há uma franca recuperação em sua saúde, mas não posso acrescentar mais nada", disse Chávez, ao responder uma pergunta sobre quando Fidel voltará a assumir oficialmente o comando de Cuba."Ontem à noite recebi uma mensagem escrita de Fidel", disse Chávez, que afirmou que se transformou, sem querer, no confidente do líder cubano e depositário da informação, "com riqueza de detalhes, do problema que esteve passando".Chávez resumiu a situação dizendo que o líder cubano "está quase recuperado, dedicado a analisar e estudar".Fidel esteve acompanhando o "mercado petroleiro, as trocas comerciais com a Venezuela, o caso Posada Carriles, as ameaças que continuam contra Cuba e Venezuela", disse o presidente.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.