Fidel Castro recebe condecorações da Coréia do Norte

O convalescente líder cubano Fidel Castro, que não é visto em público há quatro meses e meio, foi condecorado esta semana pelo governo da Coréia do Norte, informou a imprensa oficial nesta terça-feira, 12.O título de Herói do Trabalho, a Medalha de Ouro e a ordem da Bandeira Nacional da Primeira Classe do Parlamento norte-coreano foram recebidos na segunda-feira, em nome de Fidel, pelo vice-presidente do Conselho de Estado, Esteban Lazo."Lazo transmitiu o profundo espírito de agradecimento e humildade com que o companheiro Fidel aceita tão alta honraria", disse o jornal do Partido Comunista, o Granma.Em julho, Fidel entregou temporariamente o poder a seu irmão Raúl em razão de uma doença não-revelada e desapareceu da vida pública.No dia 2 de dezembro, não foi a um desfile militar que festejou os seus 80 anos, aumentando os rumores sobre uma piora em seu estado de saúde.Ao entregar as medalhas, o embaixador norte-coreano, Pak Tong Chun, descreveu Fidel como um promotor da reunificação da península da Coréia e um construtor do socialismo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.