Fidel Castro reúne-se com ativistas japoneses

CUBA

, O Estado de S.Paulo

22 de setembro de 2010 | 00h00

O líder cubano Fidel Castro reuniu-se ontem em Havana com 620 integrantes de um cruzeiro japonês pela paz e voltou a alertar para o perigo de uma possível guerra nuclear. "Este encontro é importante por causa da experiência que vocês (japoneses) acumularam sobre o tema", disse Fidel, em referência ao ataque atômico que as cidades de Hiroshima e Nagasaki sofreram em 1945.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.