Fidel Castro sofre indisposição durante discurso

O presidente Fidel Castro encostou suacabeça contra os microfones enquanto discursava hoje numamanifestação e foi rapidamente retirado do palanque. A cena foi transmitida ao vivo pela televisão nacional. "Calma e valor, levantemos nossa bandeira", afirmou ochanceler Felipe Pérez Roque tomando a palavra no palanque. Pérez Roque disse que Fidel, de 74 anos, havia tido intensasatividades nos últimos dias e que na cidade fazia um fortecalor. "O companheiro Fidel teve obviamente em meio ao calor e aoesforço sobre-humano feito por ele... um momento deindisposição", afirmou Pérez Roque. "Com calma e ordem, todos nós companheiros vamos nosretirando", disse Pérez Roque, abandonando com todos os altosfuncionários o palanque. Fidel regressou ao palanque poucos minutos depois, e afirmouque já se sentia bem. "Vou dormir umas horas, à noite não dormi mexendo em papéis.Isso não ficará assim... Voltamos a nos ver à noite. Até logo eobrigado", declarou. O presidente estava falando por umas duas horas quandoreclinou a cabeça contra os microfones. As personalidades do governo e do Partido Comunista de Cubaque presenciavam o discurso na primeira fila correram até opalanque, assim como os agentes de segurança de Fidel. O presidente foi retirado do palanque e regressou cinco ousete minutos depois para dizer que se sentia bem. "Estou inteiro", declarou antes de sair do local.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.