Fidel diz ter sido mal interpretado ao falar de economia

O ex-presidente cubano Fidel Castro declarou hoje ter sido mal interpretado ao comentar a situação do modelo econômico comunista de Cuba, em conversa com um jornalista norte-americano que visitava seu país.

AE-AP, Agência Estado

10 de setembro de 2010 | 16h03

Em um evento realizado na Universidade de Havana hoje, o octogenário ex-líder cubano disse que quis dizer "exatamente o contrário" do que o que está publicado no blog do repórter Jeffrey Goldberg, da revista Atlantic.

Goldberg escreveu na quarta-feira que perguntou a Fidel se o sistema econômico cubano ainda poderia ser aproveitado em outros países. Segundo o jornalista, Fidel teria respondido: "O modelo cubano não funciona mais nem mesmo para nós".

Tudo o que sabemos sobre:
economiacubanaFidel Castro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.