Fidel escreve novo artigo sobre Bush e Europa Oriental

Ele considera a Albânia passou ´da extrema esquerda à extrema direita´

Agencia Estado

19 Junho 2007 | 11h05

Em um novo artigo, divulgado na quarta-feira, o presidente cubano, Fidel Castro, fala da viagem do presidente dos Estados Unidos à Albânia e à Bulgária e comenta a situação de Kosovo. Fidel escreveu o novo artigo da série Reflexões, um dia após receber o presidente venezuelano, Hugo Chávez, com quem se reuniu por seis horas. Intitulado Carente de carinho e divulgado em Havana por fontes oficiais, é o segundo desta semana. Nele, Castro volta a citar a viagem de George W. Bush à Albânia e à Bulgária. Ele também comenta o "espinhoso problema" da independência do Kosovo. O líder cubano afirma que, com as pretensões de independência do Kosovo, "a Sérvia recebe um duro golpe político e econômico". Ele considera ainda que a Albânia passou "da extrema esquerda à extrema direita". "Viver para ver e ver para crer", acrescenta Castro, no seu 17º artigo desde março. Castro, que se recupera de uma doença e precisou delegar seus cargos de forma provisório a seu irmão Raúl em 31 de julho de 2006, não comenta no artigo o seu encontro com Chávez, que na quarta-feira finalizou uma visita de dois dias a Cuba. O presidente venezuelano disse num ato em Havana que o líder cubano está "quase totalmente recuperado", mas "ainda não está pronto para sair". E insistiu que "está chegando a hora" de Castro voltar a "vestir a farda". Fidel Castro não aparece em público desde 26 de julho do ano passado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.