Filha de Fidel vive discretamente em Miami

Uma filha do presidente cubano Fidel Castro vive reservadamente há dois anos em Miami após obter um visto na loteria dos imigrantes junto com seu marido, segundo uma revista. Ela já tem quase 50 anos, disse à revista Talk em sua edição de agosto Lázaro Asencio, um ex-colaborador de Fidel que vive atualmente na mesma cidade. "É verdade", indicou ao jornal Miami Herald a irmã do mandatário, a farmacêutica Juanita Castro. Identificada apenas como Francisca pela revista, a filha do líder cubano é professora em um jardim de infância da região de Miami e deseja manter sua privacidade. Fidel conheceu a mãe de sua filha em novembro de 1952 e os dois mantiveram uma breve relação, disse Asencio, de 75 anos. Sete anos depois, o governante se apresentou perante a mãe e a filha e confirmou que era pai de Francisca, segundo Asencio. O irmão mais novo de Fidel, Raúl, encarregou-se de cuidar da menina, acrescentou Asencio. Organizou festas para ela e lhe deu uma casa em Santa Clara. A mãe se casou com um homem que adotou a filha de Fidel, segundo Juanita Castro. E Francisca se estabeleceu em Miami só dois anos depois de ela e seu marido obterem o visto de imigração.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.