Filha de xá do Irã é encontrada morta

Leila Pahlavi, filha do falecido xá do Irã, foi encontrada morta em um hotel de Londres, informou a polícia britânica na madrugada desta terça-feira (pelo horário local). O corpo da mulher de 30 anos foi descoberto por funcionários do Leonard Hotel, na zona oeste de Londres, na noite desta segunda-feira, segundo a polícia. Sua mãe, a ex-imperatriz Farah Pahlavi, divulgou um comunicado em Paris, no qual informou a morte da princesa durante o sono e dizia que ela estava "muito deprimida". Uma autópsia realizada no corpo de Leila não foi capaz de revelar a causa da morte, mas não há circunstâncias suspeitas, disse uma porta-voz da Scotland Yard. "O caso ainda está classificado como morte por causa desconhecida", disse ela, sob a costumeira condição de anonimato. Leila era a mais jovem dos cinco filhos do xá Mohamed Reza Pahlavi, e a quarta com a terceira e última esposa do ex-governante, Farah. Leila tinha nove anos quando sua família fugiu de Teerã durante a revolução islâmica.Ela iniciou seus estudos em Massachusetts e formou-se na Brown University, em Rhode Island. Desde sua formatura, em 1992, Leila passou a maior parte do tempo entre Estados Unidos e Europa. Ela não era casada.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.