Filha lésbica de magnata é 'bombardeada' com propostas de casamento

A filha lésbica de um magnata de Hong Kong disse nesta quinta-feira que tem recebido inúmeras propostas de casamento depois de o pai ter oferecido um "dote" de 65 milhões de dólares ao homem capaz de conquistar o amor dela. Ela disse, porém, não guardar ressentimento com relação ao pai.

STEFANIE MCINTYRE E JAMES POMFRET, Reuters

27 de setembro de 2012 | 16h36

Depois que o bilionário Cecil Chao, conhecido na mídia sensacionalista por ser mulherengo, ofereceu uma recompensa de 65 milhões de dólares para qualquer homem capaz de levar a filha, Gigi Chao, ao altar, ela disse ter sido bombardeada por propostas de casamento feitas por estranhos, pedidos para sair e até mesmo recebeu uma proposta de um produtor de Hollywood interessado em comprar a sua história.

"Veteranos de guerra dos Estados Unidos, uma pessoa de Adis Abeba, na Etiópia, outra de Istambul, outra da América do Sul, de Portugal, realmente do mundo inteiro", disse Gigi Chao, dando uma olhada nos e-mails em um laptop branco da Apple no prédio de escritórios do pai.

Um pretendente dos Estados Unidos escreveu: "Estou interessado em sua proposta para casar com a sua filha, que por acaso também é gay. Eu sou uma pessoa do sexo masculino, que por acaso também é gay."

Outro missivista indicou o irmão, que foi dublê do ator George Clooney em um filme de 2008, como possível par: "Ele pode ser o parceiro perfeito que o seu pai busca."

"Tentei responder aos bem intencionados...mas a maioria deles eu procuro nem abrir", acrescentou Gigi, que usa um anel de prata depois de ter se unido à namorada em uma "cerimônia de bênção" em uma igreja de Paris.

Gigi disse que o pai bilionário, que hoje dirige um Rolls Royce e tem um helicóptero, mas viveu uma infância pobre em Xangai, ficou bravo quando a namorada de longa data da filha revelou que as duas tinham se casado em Paris em abril. A notícia teria provocado a oferta do "dote" para qualquer homem capaz de torná-la heterossexual.

"Não fiquei brava de jeito nenhum. Fiquei até muito emocionada com o anúncio do papai", disse a mulher, de 33 anos. "Quer dizer, é o jeito dele de dizer ‘menininha, eu te amo. Você merece mais'", acrescentou Gigi, que trabalha como diretora executiva da empresa da família, a Cheuk Nang Holdings.

Raramente visto sem óculos escuros ou roupas de marca, o pai (hoje com 76 anos) nunca se casou, mas se gaba de ter dormido com mais de 10 mil mulheres, incluindo modelos e atrizes.

Tudo o que sabemos sobre:
CHINAMAGNATAGAY*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.