AP
AP

Filho de Kadafi pode ser julgado na Líbia

Tribunal Penal Internacional quer que Seif al-islam Kadafi seja julgado na Holanda, sob acusações de crimes de guerra

AE, Agência Estado

20 de agosto de 2012 | 16h34

TRÍPOLI - O filho do ex-governante líbio Muamar Kadafi, Seif al-islam Kadafi, considerado como herdeiro político do seu falecido pai, deverá ser julgado na Líbia, desafiando o Tribunal Penal Internacional (TPI), que queria julgá-lo na Holanda. Seif al-Islam, de 40 anos e arquiteto de formação, está detido na cidade líbia de Zintan desde o ano passado, quando foi capturado pelos insurgentes que derrubaram o regime de Muamar Kadafi.

Veja também:

link Assembleia eleita na Líbia 'recebe' poderes após 40 anos de ditadura

link Jibril dá 'surra' eleitoral em partido islâmico na Líbia

link 'O futuro da Líbia será bem melhor do que muita gente esperava'

Existe uma ordem de captura, emitida pelo TPI em meados de 2011, contra Seif al-Islam. Ahmed al-Jehani, representante líbio no Tribunal de Haia, disse que o julgamento começará no próximo mês.

Um possível lugar para o julgamento é na própria cidade de Zintan. O TPI quer que Seif seja julgado na Holanda, sob acusações de crimes de guerra cometidos durante a guerra civil na Líbia.

Com AP

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.