Filho de Kadafi visitou bases nos EUA antes do conflito

Um filho do governante da Líbia, Muamar Kadafi, visitou portos e instalações militares nos Estados Unidos apenas algumas semanas antes de liderar os ataques contra os insurgentes que lutam para derrubar o regime autocrático de seu pai.

AE, Agência Estado

25 de março de 2011 | 20h44

Um oficial do exército dos EUA disse que Khamis Kadafi, de 27 anos, passou quatro semanas no país como parte de um programa feito em parceria com a AECOM, uma multinacional norte-americana de infraestrutura com interesses na Líbia.

Ele disse que a viagem incluiu visitas ao porto de Houston, à Academia da Força Aérea, Colégio Nacional de Guerra e a Academia de West Point. O vice-presidente sênior da AECOM, Paul Gennaro, disse que o Departamento de Estado do governo americano aprovou os planos e considerava Khamis Kadafi um reformador. Funcionários do Departamento de Estado afirmam que apenas buscaram Khamis Kadafi no aeroporto.

Khamis Kadafi foi expulso nesta semana de um curso de MBA na Espanha, por causa do seu papel nos ataques contra os insurgentes. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
LíbiaataquesKadafifilhoEUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.