Facundo Arrizabalaga / Reuters
Facundo Arrizabalaga / Reuters

Filho de Meghan e Harry não será automaticamente um príncipe; saiba por quê

Ainda sem nome, novo bebê real ocupa o sétimo lugar na linha de sucessão ao trono britânico

Redação, O Estado de S.Paulo

07 de maio de 2019 | 09h14

LONDRES - Meghan Markle, duquesa de Sussex, deu à luz na segunda-feira, 6, um menino. Em comunicado, o Palácio de Buckingham disse que o príncipe Harry estava ao lado dela no momento do parto e que o nome do novo bebê real será anunciado ainda nesta semana.

Meghan e Harry se casaram em maio de 2018. Quando anunciaram a gravidez em outubro, levantaram muitas questões. Veja abaixo as respostas para algumas delas.

A criança terá o título de príncipe ou princesa?

Não. O filho de Meghan e Harry terá título de lorde e não príncipe. A culpa disso é do rei George V. Em 1917, o trisavô de William e Harry decidiu limitar os títulos dos membros da família real e estabeleceu o seguinte:

“Os netos dos filhos de qualquer soberano na linha masculina direta (com exceção apenas do filho mais velho vivo do filho mais velho do príncipe de Gales - Charles - terão e desfrutarão em todas as ocasiões o estilo e título desfrutados pelos filhos dos duques destes nossos reinos”.

Isso significa que já que o filho de Meghan e Harry será bisneto da soberana (pelo menos até que Charles herde o trono), ele estará muito longe na linha de sucessão para assumir por direito o título de príncipe. Acredita-se que qualquer filho do duque e da duquesa de Sussex será conhecido como lorde de Mountbatten-Windsor, a menos que a rainha Elizabeth II mude isso.

Em 2015, a monarca optou por fazer de George - filho do príncipe William e Kate Middleton - príncipe e fez o mesmo com os irmãos mais novos dele, a princesa Charlotte e o príncipe Louis. “A rainha pode intervir neste caso”, explicou o comentarista real Richard Fitzwilliams.

Ainda há especulação de que Meghan e Harry possam preferir que a criança não adote o título de Sua Alteza Real na esperança de que eles tenham uma vida mais normal, fora dos holofotes reais.

O filho de Meghan e Harry assumirá o trono britânico?

O gênero da criança não é um fator determinante na linha de sucessão. O favorecimento aos homens foi retirado do Ato de Sucessão à Coroa, aprovado em 2013. Hoje, a ordem em que os membros da família real assumem o trono se baseia na idade.

O próximo da linha, após Elizabeth II, é o príncipe Charles, seguido por seu filho mais velho, o príncipe William. Depois, estão os três netos do príncipe de Gales: George, Charlotte e Louis. Em seguida, está Harry e, em sétimo lugar, seu filho (ainda sem nome), o que torna muito improvável, mas não impossível, sua chegada ao trono algum dia.

Em oitavo, nono e décimo lugares estão o segundo filho da rainha, o príncipe Andrew, e suas duas filhas, a princesa Beatrice e a princesa Eugenie.

Mas, afinal, qual será o nome do bebê?

Meghan e Harry são conhecidos por romper algumas tradições consideradas obsoletas da família real. Como Harry não está diretamente na linha de sucessão ao trono, acredita-se que ele tenha mais liberdade para se desviar das normas quando se trata de sua vida.

Alguns defendem que o casal escolherá um nome não tradicional, mantendo suas atitudes modernas. Nas casas de aposta britânicas, Boris Thor e Albert são os mais cotados. / The Washington Post

Tudo o que sabemos sobre:
Príncipe WilliamMeghan Markle

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.