Filho de Sarkozy joga tomates em policial

O presidente francês, Nicolas Sarkozy, precisou pedir desculpas públicas pelos atos de seu filho Louis. O menino, de 15 anos, foi repreendido por jogar tomates e bolinhas de papel em um policial do grupo que faz a segurança do Palácio do Eliseu.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.