Filho do único astronauta israelense morre em acidente

O filho do astronauta israelense morto na tragédia do ônibus espacial Columbia morreu neste domingo em um acidente com o caça de combate F-16 no qual participava de uma missão de treinamento, informou neste domingo o exército de Israel.

AE/AP, Agencia Estado

13 de setembro de 2009 | 14h51

O piloto morto no acidente de hoje foi identificado como Asaf Ramon, filho de Ilan Ramon, primeiro e único astronauta da história de Israel.

Ilan Ramon estava entre os sete astronautas mortos na explosão do Columbia ao reentrar na atmosfera terrestre no início de 2003.

A morte do filho de Ilan levou emissoras de rádio e televisão do país a interromperem suas programações para dar a notícia. A viagem ao espaço sideral rendeu a Ilan Ramon o status de herói nacional em Israel.

O caça pilotado por Asaf Ilan, de 21 anos, caiu logo ao sul da cidade cisjordaniana de Hebron. Ele era o mais velho dos quatro filhos de Ilan Ramon.

Logo depois que a notícia veio à tona, o comandante do Estado-Maior de Israel, Gabi Ashkenazi, visitou a família de Asaf acompanhado do comandante da Força Aérea para informá-la oficialmente sobre a morte. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Israelastronauta

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.