Filhos de dona do Clarín farão novo exame de DNA

A juíza Sandra Arroyo Salgado ordenou que Marcela e Felipe Herrera de Noble, filhos adotivos de Ernestina Herrera de Noble, a presidente do Grupo Clarín, façam hoje um novo exame de DNA. A juíza pretende comprovar se os dois são filhos de desaparecidos da ditadura militar (1976-83). Os advogados dos irmãos vão entrar com um recurso contra a ordem da juíza.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.