Filipinas enviam provas contra China para tribunal

As Filipinas apresentaram neste domingo evidências para um tribunal internacional contra reivindicações territoriais da China no Mar do Sul da China, apesar do alerta chinês de que o caso afetaria as relações entre os dois países.

Agência Estado

30 de março de 2014 | 13h44

O Secretário de Relações Exteriores das Filipinas, Albert del Rosario, disse em uma entrevista coletiva que os documentos enviados eletronicamente ao tribunal em Haia possuem quase 4 mil páginas de análises e evidências documentadas.

As autoridades Filipinas levaram suas disputas territoriais com a China para a arbitragem internacional em janeiro de 2013 após navios do governo chinês assumiram o controle de uma região disputada na costa noroeste das Filipinas. Os representantes do governo filipino pediram ao tribunal para que declare ilegais as reivindicações da China sobre cerca de 80% de águas estratégicas e o confisco por Pequim de oito trechos de águas rasas e recifes no Mar do Sul da China.

O porta-voz do Ministério de Relações Exteriores da China Hong Lei disse em uma entrevista coletiva, na quarta-feira passada, que a China nunca aceitará, nem participará, de qualquer arbitragem internacional pelas Filipinas.

O governo filipino instou outros reclamantes a se juntarem ao caso, mas nenhum deles até agora prosseguiu publicamente. China, Brunei, Malásia, Filipinas, Taiwan e Vietnã travam disputam em torno do Mar do Sul da China. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
FilipinasChinaDisputa Territorial

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.