Filipinas: sigilo bancário de Estrada e suas amantes é quebrado

Cinco bancos filipinos entregaram às autoridades os extratos das contas bancárias atribuídas ao ex-presidente Joseph Estrada, acusado de corrupção. As instituições financeiras também liberaram os extratos das contas de duas ex-amantes do ex-presidente. Outros bancos devem seguir o mesmo procedimento. Ex-ator de cinema, Estrada está envolvido em uma série de escândalos, entre eles, desviar recursos públicos, suborno, corrupção, perjúrio e apropriação ilegal de dinheiro. Na última quarta-feira, o Supremo Tribunal das Filipinas começou a examinar o recurso apresentado por Estrada que questiona a legitimidade de sua substituta, Gloria Macapagal Arroyo, que, após uma revolta popular, foi conduzida ao cargo de presidente do País no último no dia 20. Estrada alega que nunca apresentou sua renúncia e, sendo assim, ainda é o legítimo presidente da nação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.