Finlandês recebe prêmio de 2008

O diplomata e ex-presidente da Finlândia Martti Ahtisaari recebeu ontem em Oslo o Prêmio Nobel da Paz por suas três décadas de trabalho como negociador em zonas de conflitos. O finlandês atuou em regiões como Namíbia, Indonésia e nos Bálcãs. Em seu discurso de agradecimento, Ahtisaari fez um apelo ao presidente eleito dos EUA, Barack Obama, para que dê "prioridade máxima" ao Oriente Médio. "Não podemos continuar fingindo que estamos fazendo algo para ajudar o Oriente Médio. Devemos obter resultados", disse. Para o Nobel, "todos os conflitos podem ser resolvidos", incluindo a inimizade entre israelenses e palestinos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.