Finlândia reconhece parceria gay

A parceria homossexual passou a ser reconhecida legalmente hoje na Finlândia, mas a nova lei não permite aos casais gays adotarem filhos ou usarem o mesmo sobrenome.A legislação, aprovada em setembro do ano passado pelo Parlamento, garante aos finlandeses maiores de 18 anos o direito de registrar uniões de pessoas do mesmo sexo em cerimônias civis comparáveis ao casamento. Ela dá também aos interessados os mesmos direitos de casais heterossexuais em casos de divórcio.A Associação de Gays e Lésbicas da Finlândia comemorou a lei, mas afirmou que ela não foi longe o bastante. "A lei não dá aos casais de pessoas do mesmo sexo os mesmos direitos dos casais heterossexuais", afirmou a associação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.