Fita da Al-Qaeda sobre o Iraque é "provavelmente autêntica"

Uma fita de áudio atribuída a um misterioso extremista ligado à rede Al-Qaeda é "provavelmente autêntica", disse um agente da CIA, o principal serviço secreto americano. A voz na gravação é atribuída a Abu Musab al-Zarqawi e marca a primeira vez em que ele faz um pronunciamento público.A gravação, de 33 minutos, foi divulgada ontem. O locutor apresenta-se como Al-Zarqawi, um jordaniano suspeito de liderar uma rede extremista que se estende da Europa à Ásia Central. Suspeita-se que ele esteja por trás de diversas ações no Iraque. Na gravação, ele pede que os sunitas iraquianos se voltem contra os xiitas."A análise da CIA concluiu que a fita é provavelmente autêntica", disse o agente da CIA sob condição de anonimato. O paradeiro de Al-Zarqawi é desconhecido, mas a página na internet trazia um texto para apresentar a gravação segundo o qual o líder extremista estaria no Iraque.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.