Fitch: crescimento global vai se acelerar em 2015 e 2016

Fitch: crescimento global vai se acelerar em 2015 e 2016

A agência espera um avanço de 3% para o ano que vem e de 3,1% para o ano seguinte

Estadão Conteúdo

30 de setembro de 2014 | 14h30

A economia global deve se acelerar em 2015 e 2016, mas os riscos são negativos, relatou nesta terça-feira a agência de classificação de risco Fitch. A agência espera um avanço de 3% para o ano que vem e de 3,1% para 2016, ambos acima da previsão para este ano: 2,6%.

As estimativas para 2014 e 2015 estão 0,1 ponto porcentual abaixo da projeção de junho. Para o Produto Interno Bruto (PIB) dos Estados Unidos, a Fitch prevê um crescimento de 2,2% em 2014, acelerando para 3,1% em 2015 e 3% em 2016. A melhora deve ser impulsionada por mais consumo das famílias e mais investimentos das empresas.

Para a zona do euro, a expectativa é de um avanço de 0,9% neste ano, seguido por um crescimento de 1,3% em 2015 e de 1,5% em 2016. Na avaliação da agência, os altos níveis de desemprego devem persistir na zona do euro, permanecendo em cerca de 11% até 2016. O Reino Unido deve entrar em desaceleração. O PIB britânico deve crescer 3% em 2014, 2,5% em 2015 e 2,3% em 2016.

Em relação ao Japão, a economia deve manter um ritmo estável. Para o país asiático, a Fitch espera um avanço de 1,4% em 2014, 1,3% em 2015 e 2016. (André Ítalo Rocha - andre.italo@estadao.com).

Mais conteúdo sobre:
MundocrescimentoFitch

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.