FMI enviará missão à Indonésia esta semana

Uma missão do FMI desembarcará esta quinta-feira na Indonésia para finalizar um novo programa econômico com as autoridades de Jacarta, informou o ministro de Economia indonésio, Burhanuddin Abdullah. O porta-voz do FMI, Vasuki Shastry, confirmou o iminente embarque da missão, que foi adiada por diversas semanas por causa da relutância do governo da Indonésia para implementar as reformas exigidas pelo Fundo. O programa de crédito de US$ 5 bilhões da Indonésia com o FMI está atrasado desde dezembro. O fundo quer que o governo de Jacarta reduza os poderes de empréstimos dos governos das províncias e desista do projeto de lei que tornaria mais fácil demitir o presidente do Banco Central local.Recentemente, o governo indonésio fez alguns progressos em relação as exigências do FMI, como a colocação à venda esta semana de um grande banco e a revisão do orçamento para manter o déficit sob controle. A missão do FMI irá rever os progressos do governo e estabelecer novas metas antes de liberar a próxima tranche de US$ 400 milhões do programa de crédito. A Indonésia precisa do dinheiro do FMI para equilibrar suas contas externas e também para retomar a confiança do investidor estrangeiro no país. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.