Fogo na Califórnia desaloja 1 milhão

Incêndio destrói mais de 2 mil casas, afeta outras 90 mil e deixa prejuízo de US$ 1 bilhão

O Estadao de S.Paulo

25 de outubro de 2007 | 00h00

San Diego, EUA - Os incêndios florestais na Califórnia já deixaram 1 milhão de desabrigados e destruíram mais de 2 mil casas. Ontem o número de bombeiros convocados para combater o fogo chegou a 10 mil, mas a única esperança de controlar as chamas era uma possível trégua dada pelo vento.O governador da Califórnia, Arnold Schwarzenegger, disse que o prejuízo pode ultrapassar US$ 1 bilhão. Seis pessoas já morreram e pelo menos 70 ficaram feridas desde o fim de semana. Os incêndios atingiram uma área que se estende de Santa Barbara, ao norte de Los Angeles, até a fronteira com o México, ao sul, incluindo a praia de Malibu , onde moram várias celebridades de Hollywood. A maioria dos famosos se hospedou em hotéis de luxo da região. Os bombeiros ganharam ontem a ajuda de 2.600 prisioneiros e menores infratores para o combate ao fogo. Muitos soldados que fazem a segurança na fronteira com o México também foram chamados. Com a fronteira menos vigiada, muitos imigrantes ilegais aproveitaram para entrar no país.Além das chamas, outra preocupação da polícia eram os saqueadores que ameaçavam pilhar as mansões incendiadas. Em San Diego, 20 mil pessoas buscaram abrigo no estádio Qualcomm, do time de futebol americano da cidade, onde os desabrigados foram recebidos de forma organizada e muitos foram direcionados para hotéis e casas vizinhas.APNÚMEROS DA TRAGÉDIA1 milhão de desabrigados2 mil casas destruídas147 mil hectares queimados

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.