Foguetes do Hezbollah matam 1 e ferem treze em Israel

O impacto de um foguete Katyusha disparado nesta quinta-feira pela milícia libanesa Hezbollah feriu treze pessoas, duas delas gravemente, na localidade israelense de Safed, segundo a rádio pública de Israel.Outro foguete causou, horas antes, um incêndio na base do Monte Merón, situado nas imediações da cidade de Safed. Aviões dos serviços florestais do Fundo Nacional Judeu tentavam controlar as chamas. Os serviços de emergência não informaram sobre feridos.Além disso, outro foguete caiu na aldeia de Machdal Krum, ao lado de Carmiel, e feriu uma pessoa.Argentina é vítima fatalUma mulher de origem argentina morreu esta manhã no norte de Israel ao ser atingida pela explosão de um Katyusha disparado por integrantes do Hezbollah.O Exército israelense interrompeu o tráfego na estrada 89, que une a cidade de San Juan do Acre no litoral do Mediterrâneo com as Colinas de Golã.As autoridades só permitem a circulação de caminhões de abastecimento para a população civil, assim como veículos militares e de residentes da região, além de jornalistas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.