Forças americanas atacam em instalação inimiga em Bagdá

As forças de coalizão lideradas pelos Estados Unidos lançaram uma operação militar, à noite, em Bagdá, visando uma instalação usada por rebeldes e detonando explosões que reverberaram pela capital iraquiana.?A instalação era um conhecido ponto de encontro, planejamento e armazenamento para elementos beligerantes, que conduziam ataques às forças de colizão e à infra-estrutura da cidade?, diz uma declaração do Pentágono divulgada em Washington.?A destruição dessa estrutura vai impedir seu uso pelas forças inimigas no futuro.? A ação da 1ª Divisão Blindada teve início horas depois de uma ataque suicida ao quartel-general italiano no sul da cidade de Nassíria, o mais mortal assalto a forças militares desde o início da ocupação. Mas de uma dezena de detonações foram ouvidas por volta das 21h15 (16h15 de Brasília, aparentemente fora do centro da cidade.

Agencia Estado,

12 de novembro de 2003 | 17h37

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.