Forças anti-Assad abatem helicóptero em Damasco

Rebeldes sírios afirmaram ontem ter derrubado um helicóptero do governo em Damasco. A TV estatal afirmou que a aeronave caiu perto de uma mesquita no distrito de Qaboon. O grupo opositor Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH) informou que, após a queda, Bashar Assad intensificou os bombardeios no leste da capital.

O Estado de S.Paulo

28 de agosto de 2012 | 03h01

Um vídeo postado na internet mostrou um helicóptero pegando fogo e caindo em uma área urbana de Damasco.

"Foi uma vingança pelo massacre de Daraya", afirmou Omar al-Qabooni, porta-voz do Exército Sírio Livre. Ontem, a comunidade internacional condenou as execuções em Daraya. O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, exigiu uma investigação "imediata e imparcial".

No domingo, o OSDH anunciou a descoberta de pelo menos 320 corpos na cidade, a 7 quilômetros de Damasco. A maior parte das vítimas teria sido morta em uma operação iniciada há cinco dias. De acordo com fontes opositoras, o número de mortos pode chegar a 600. / REUTERS

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.