Forças argelinas prendem 46 suspeitos de ajudar terroristas

As forças de segurança argelinas prenderam 46 pessoas suspeitas de colaborar com grupos terroristas islâmicos que operam no país, de acordo com a imprensa local. As operações ocorreram nas províncias de Biskra e El Oued, onde 36 pessoas foram detidas, e em Saida, onde foram presos outros 10 suspeitos.De acordo com a imprensa local, os suspeitos informavam os terroristas sobre os deslocamentos de patrulhas policiais e forneciam a eles ajuda, transporte e comida.As diferentes operações aconteceram dias após a morte de quatro supostos terroristas em uma blitz perto da cidade de Mchounech, na mesma região. Além de armas, as forças de segurança encontraram dois telefones celulares com números de suspeitos, nas roupas dos mortos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.