Forças Armadas farão segurança da capital

O primeiro-ministro da Tailândia, Abhisit Vejjajiva, encarregou ontem o chefe do Exército das operações de segurança em Bangcoc (foto). Há mais de um mês, opositores protestam na capital para pedir eleições antecipadas. A polícia tentou ontem prender os líderes dos protestos e desocupar um bairro tomado pelos manifestantes, mas fracassou. "A operação não teve sucesso, mas o governo prosseguirá com seus esforços", disse Vejjajiva, em um comunicado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.