Forças de Kadafi mataram 10 mil na Líbia, diz oposição

Forças leais ao coronel Muamar Kadafi já mataram 10 mil pessoas desde o início do levante popular na Líbia, informou hoje o grupo oposicionista Conselho Nacional de Transição. Além disso, 30 mil pessoas ficaram feridas e 20 mil estão desaparecidas, segundo um funcionário do conselho.

AE, Agência Estado

12 de abril de 2011 | 14h11

"Nós temos agora cerca de 10 mil mortos por soldados de Kadafi, temos cerca de 20 mil desaparecidos e 30 mil feridos, 7 mil dos quais com risco de vida", disse Ali Al Isawi, representante dos insurgentes. "Nós queremos mais esforços pela proteção de civis contra esta agressão", afirmou, após participar de conversas com os ministros das Relações Exteriores da União Europeia em Luxemburgo. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
LíbiaataquesKadafimortesoposição

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.