Forças de segurança atacam mesquita e matam 6 que protestavam contra Assad

SÍRIA

, O Estado de S.Paulo

23 de março de 2011 | 00h00

As forças de segurança sírias mataram na madrugada de hoje ao menos seis pessoas durante um ataque à mesquita Omari, na cidade sulista de Deraa, onde ocorria o sexto dia consecutivo de protestos contra o presidente Bashar Assad. O ataque foi lançado pouco depois da meia-noite, após as luzes serem apagadas e o sinal dos celulares ser cortado, e elevou a dez o número de civis mortos pelas forças sírias durante as manifestações por reformas políticas. Centenas de pessoas marcharam ontem nas cidades de Deraa e Nawa. "Queremos pão, mas também liberdade", definiu um dos manifestantes de Deraa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.