Forças dos EUA atuarão nas áreas de risco das Filipinas

Soldados das forças especiais dos EUA serão enviados no início da próxima semana ao sul das Filipinas, onde treinarão tropas locais que lutam contra um grupo extremista islâmico que detém no cativeiros dois norte-americanos, informaram hoje fontes militares. Mais de 400 soldados norte-americanos, a maioria staff de apoio, já chegaram à região, mas o envio de 32 tropas das forças especiais no domingo a uma das ilhas do Abu Sayyaf marca o início da participação de risco da missão dos EUA.Leia o especial

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.