Forças dos EUA poderão ficar mais dois anos no Iraque

O general Richard Myers, chefe do Estado-Maior dos EUA, visitou o Iraque e disse que as tropas americanas deverão ficar no país árabe por mais um ou dois anos. ?O mais longe que estamos vislumbrando são os próximos dois anos?, disse Myers, dirigindo-se às tropas. Mas ele não quis se comprometer com um cronograma, dizendo que o prazo exato ?vai depender dos eventos dos próximos dois anos?.?O mais longe que se pode ver é um ano, talvez dois anos. Logo haverá um governo soberano do Iraque. Teremos de negociar com eles?, disse o geberal, acrescentando; ?Isso não quer dizer que ficaremos dois anos. Ninguém pode dizer nada agora?.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.