Forças iranianas matam 5 rebeldes curdos

A agência de notícias oficial do Irã informou que a Guarda Revolucionária do país matou cinco rebeldes curdos em um ataque que destruiu um dos quartéis-generais do grupo no noroeste do Irã. A IRNA diz que a operação começou no sábado à noite e terminou no domingo de manhã, e foi realizada ao longo da fronteira iraquiana perto da cidade amplamente curda de Sardasht.

AE, Agência Estado

17 de julho de 2011 | 13h10

A agência de notícias informou que um soldado iraniano foi morto no conflito e enterrado em Sardasht no domingo. Os embates aconteceram quase uma semana depois que uma autoridade militar iraniana ameaçou atacar as bases do grupo no Iraque.

O grupo é conhecido como Pejak, o que significa em curdo Partido da Vida Livre do Curdistão. Ele esteve envolvido em conflitos esporádicos com forças iranianas nos últimos anos e afirma que luta por mais direitos. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Irãcurdosmortes

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.