Forças sauditas trocam tiros com supostos terroristas

Agentes de segurança se envolveram, na capital saudita, num tiroteio com supostos militantes islâmicos, divulgou a rede por satélite al-Arabiya, baseada no Catar. O confronto ocorreu no bairro de al-Suweidi e helicópteros circulavam a região. Foi o segundo dia de violência em Riad entre policiais e suspeitos. Jamil Thiabi, correspondente da Lebanese Broadcasting Corp. em Riad, disse que forças de segurança sauditas invadiram vários edifícios em al-Suweidi e sofreram forte resistência num prédio em construção. Na segunda-feira, a polícia saudita prendeu 10 militantes, supostamente membros de uma célula terrorista que planejava atacar um alvo britânico no país. As prisões são fruto da repressão governamental contra militantes islâmicos lançada depois de ataques suicidas em 12 de maio em Riad, que deixaram 35 pessoas mortas, entre elas nove atacantes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.