Forte terremoto atinge a Ásia central

Um forte terremoto atingiu a Ásia central no domingo, mas não há notícias imediatas de destruição ou mortes, informaram o Centro Geológico dos EUA e o Ministério de Emergências do Quirguistão. O Centro Geológico dos EUA divulgou que um terremoto de magnitude 6,3 ocorreu 55 quilômetros a leste de Sary-Tash, perto das fronteiras com o Tadjiquistão e o Uzbequistão, às 21h52, horário local (12h52, horário de Brasília). A profundidade foi de 35 quilômetros. O Ministério de Emergências do Quirguistão afirmou ter informações de que um terremoto de 8,5 em uma escala de intensidade até 12 sacudiu a região de Osh, no sul. "Não há notícias de mortes ou destruição. Estamos checando todas as informações", disse à Reuters Ramis Satybekov, autoridade do ministério. Um terremoto de magnitude seis é capaz de provocar danos sérios. O tremor também foi sentido nas capitais do Tadjiquistão e do Uzbequistão. Alla Pyatibratova, jornalista que trabalha em Osh, afirmou que não há destruição visível na segunda maior cidade do Quirguistão. "Todos sentiram o terremoto e imediatamente correram para fora. Não vi nada destruído. As pessoas voltaram para suas casas depois de um tempo", disse ela de Osh. (Por Olga Dzyubenko) -

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.