Governo dos EUA/Reuters
Governo dos EUA/Reuters

Foto no Facebook vira motivo de vingança e caso de polícia nos EUA

Homem ligou para polícia dizendo que ex de sua namorada havia colocado explosivos em avião

Reuters

07 de setembro de 2012 | 16h28

FILADÉLFIA - Um homem que vingou a namorada pela publicação de uma foto no Facebook foi indiciado nesta sexta-feira, 7, por ter feito um avião voltar para Filadélfia ao mentir dizendo que havia explosivos a bordo, disseram autoridades.

 

Pouco depois de um avião da US Airways ter decolado na quinta-feira em direção a Dallas, Kenneth Smith Junior, de 26 anos, ligou para a polícia dizendo que o passageiro Christopher Shell, de 29 anos, estava com explosivos. Autoridades concluíram que não havia nenhum material perigoso e que se tratava de um trote.

 

Segundo um agente do FBI, Smith alegou que fez a ligação para vingar a namorada, que teve publicada no Facebook uma foto comprometedora da época em que namorava Shell.

 

Smith, que mora na Filadélfia, pode pegar até dez anos de prisão e levar uma multa de até US$ 250 mil, além de possível indenização, disse Patrica Hartman, representante da US Airways.

 

Shell, que mora em Filadélfia e fez 29 anos na própria quinta-feira, foi retirado do avião para prestar esclarecimentos e depois foi liberado para seguir viagem em outro avião com destino a Dallas.

 

Apesar de inocentado quanto ao porte de explosivos, Shell foi preso ao chegar a Dallas por porte de maconha.

Tudo o que sabemos sobre:
FacebookEstados Unidosaviação

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.