Fotos de satélite mostram concentração militar russa perto da Ucrânia

A Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) apresentou fotografias de satélite nesta quinta-feira que, segundo informou, mostram a concentração de 40.000 soldados russos perto da fronteira ucraniana, com tanques, veículos blindados, artilharia e aviões prontos para a ação.

Reuters

10 de abril de 2014 | 20h10

"Esta é uma força muito capaz, em elevada prontidão, e, como já ilustrado através das imagens, está perto de rotas e linhas de comunicação", disse o brigadeiro britânico Gary Deakin em entrevista coletiva na sede militar da Otan em Mons, no sul da Bélgica.

"Ela (a força) tem os recursos para ser capaz de se mover rapidamente para a Ucrânia, se receber ordens de fazê-lo", afirmou.

Se os líderes políticos russos tomarem a decisão de enviar tropas para a Ucrânia, as primeiras forças russas poderiam estar em movimento dentro de 12 horas.

A Otan observou as forças russas em mais de cem locais diferentes, perto da fronteira com a Ucrânia, disse ele.

A aliança ocidental mostrou as fotos fornecidas pela empresa comercial de imagens de satélite DigitalGlobe para reforçar as suas advertências de uma escalada militar russa que poderia ameaçar a Ucrânia.

Um alto funcionário russo, citado por uma agência de notícias estatal da Rússia, disse que as fotografias eram de agosto do ano passado. A Rússia nega que esteja concentrando forças nas proximidades da fronteira e acusa a Otan de fomentar o medo para conseguir apoio para a sua aliança.

(Reportagem de Adrian Croft)

Tudo o que sabemos sobre:
OTANUCRANIAFOTOS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.