França aprova reforma da previdência em meio a protesto

O Senado francês aprovou hoje o plano do presidente Nicolas Sarkozy de reforma da previdência, que prevê o aumento da idade da aposentadoria de 60 para 62 anos. O projeto de lei provocou uma ampla onda de protestos no país.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.