França assina pacto de cooperação nuclear

O premiê italiano, Silvio Berlusconi, e o presidente francês, Nicolas Sarkozy, assinaram ontem em Roma um compromisso de cooperação nuclear, que inclui pesquisa e construção de usinas (foto). O documento abre caminho para o fim da suspensão ao programa nuclear italiano, decidida por referendo depois do desastre de Chernobyl, em 1987.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.