Vincent Thian/AP
Vincent Thian/AP

Exames confirmam que asa encontrada no Índico é de avião da Malaysia Airlines

Peritos descobriram que parte do número de série encontrado em destroço coincide com a identificação de aeronave desaparecida

Estadão Conteúdo

03 Setembro 2015 | 12h49

PARIS - Autoridades francesas confirmaram nesta quinta-feira, 3, que o pedaço de asa de avião encontrado na Ilha de Reunião, no Oceano Índico, em 29 de julho, pertence ao Boeing 777 da Malaysia Airlines que desapareceu em março do ano passado enquanto viajava de Kuala Lampur a Pequim. 

Segundo o Ministério Público francês, a identificação foi possível graças a exames feitos por especialistas espanhóis. Após a análise, os peritos descobriram que parte do número de série encontrado na asa coincide com a identificação do avião desaparecido. 

"Assim, é possível confirmar com certeza que o destroço encontrado na Ilha de Reunião pertence ao voo MH 370", disse a promotoria em comunicado. / REUTERS

Mais conteúdo sobre:
França asa avião Malásia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.