França distribui pílula do dia seguinte para adolescentes

As adolescentes francesas podem agora obter de graça a pílula anticoncepcional do dia seguinte nas farmácias do país, sem receita médica ou autorização dos pais. Em decreto publicado nesta quinta-feira no Diário Oficial, o governo disse que os farmacêuticos precisam conversar rapidamente com as adolescentes antes de lhes dar a pílula, a fim de garantir que elas a tomem de forma correta e nos prazos certos. A pílula anticoncepcional deve ser ingerida até 72 horas depois da relação sexual e evita a gravidez ao impedir que o óvulo fertilizado se implante no útero. Conselhos O Diário Oficial afirma que os farmacêuticos que distribuem a pílula devem oferecer conselhos sobre o controle de natalidade e encorajar as adolescentes a visitar o médico com regularidade. Em novembro de 2000, o Parlamento francês autorizou as enfermeiras das escolas a distribuir a pílula do dia seguinte nas escolas de 2º grau.

Agencia Estado,

10 Janeiro 2002 | 19h50

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.