França: ministro processará website por difamação

O ministro do Orçamento da França, Jérôme Cahuzac, entrou com uma ação judicial por danos morais contra um website que publicou uma matéria na qual noticia que o político escondeu dinheiro das autoridades franceses em um paraíso fiscal - a acusação é grave porque Cahuzac lidera a cruzada do governo do presidente socialista François Hollande contra a evasão fiscal. O website Mediapart informou na terça-feira que Cahuzac teve uma conta corrente secreta em um banco suíço até 2010, quando os fundos foram transferidos para Cingapura. A matéria não informou se a conta ainda está aberta ou foi fechada.

AE, Agência Estado

05 de dezembro de 2012 | 15h57

Cahuzac liderou a repressão contra a evasão fiscal neste ano, após a posse do presidente François Hollande. A cruzada contra a evasão fiscal faz parte dos planos de Hollande para cortar o déficit público francês. Cahuzac disse que processará o website por difamação. Ele disse que a matéria publicada no website e também reproduzida na rádio RTL é puro "delírio" e que tanto a rádio quanto o website se recusaram a mostrar qualquer prova sobre a suposta conta secreta. Cahuzac é um deputado socialista da região de Lot-et-Garonne.

As informações são da Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.