França participará de bombardeios no Afeganistão

A França enviará até 10 aviões Mirage 2000 para realizar ataques contra fortalezas da rede terrorista Al-Qaeda, em missões que deverão ter início na próxima semana, informou hoje o ministro da Defesa francês. Ontem, o presidente Jacques Chirac havia dito que a França mandaria aviões de combate para o Afeganistão. Hoje, o ministro deu maiores detalhes. Um máximo de dez aeronaves Mirage 2000 irão atacar bases da Al-Qaeda, a partir de bases na Ásia Central. A localização exata das bases ?ainda está em debate?, disse Jean-François Bureau, porta-voz do ministério. O ministro Alain Richard afirmou que o objetivo é atingir ?a infra-estrutura e os esconderijos restantes da Al-Qaeda no Afeganistão?. A França já havia comprometido outras aeronaves na campanha contra Bin Laden, mas elas estão envolvidas em missões de espionagem, não de bombardeio. Leia o especial

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.